SEBASTIÃO NERY É O NOVO IMORTAL DA ALAMBIQUE

Sebastião Nery entre Daniel Thame e Walmir Rosário: imortalcoolizado na Academia Alambique

Criada em Itabuna e já devidamente instalada em Ilhéus, a Academia de Letras, Artes, Biritas, Inutilidades, Quimeras, Utopias, Etc, a gloriosa  ALAMBIQUE, expande-se para o Brasil inteiro. Na segunda-feira (26) durante um lauto almoço in petit comite oferecido pelo jornalista José Adervan em seu palacete no Góes Calmon (como diriam os centenários colunistas sociais), foi imortacoolizado o jornalista Sebastião Nery, um dos mais longevos e respeitados profissionais de comunicação do país.

Pilotando um vinho bourbon dos mais honestos (francês legítimo), Nery passou à imortalidade sob as bênçãos desse blogueiro, presidente vitalício, imortalicio e ditatorialicio da Alambique e do vice Walmir Rosário, que preferiram uma cachaça mineira igualmente  honesta.

Inspirado pela imortalidade que lhe foi concedida em terras grapiúnas, Sebastião Nery, que nasceu em Jaguaquara, na Bahia, perpetrou uma das histórias mais engraçadas do ágape, em tarde finas iguarias e bebidarias.

Ao questionar o cartunista Jaguar, bebedor sacramentado e juramentado, porque ele, passando dos 80 anos, não largava o copo, ouviu uma resposta lapidar:

-Nery, se largar o copo eu perco e equilíbrio e caio.

Eis aí um alambiquista nato!

Author Description

Walmir Rosario

No comments yet.

Join the Conversation