Mais uma ‘armação’ na câmara

Após a conciliação de Loiola com Roberto de Souza, o que já era discutível ficou mais avacalhada: a eleição da mesa diretora da Câmara, marcada para essa terça-feira (30). Agora, Loiola admite, sem qualquer remorso, adiar a escolha, sob a argumentação de que faltaria assinaturas, bem como atenderia a um pedido do colega Roberto de Souza.

Na realidade, o adiamento da sessão para a escolha da mesa diretora é apenas uma manobra para tentar cooptar outros vereadores. Enquanto a chapa liderada por Ruy Machado tem a adesão de oito vereadores, a de Roberto de Souza conta apenas com cinco edís. O mais estrambótico disso é que as duas chapas possuem vereadores da base de sustentação do prefeito Capitão Azevedo.

Aliás, a bem da verdade, Capitão Azevedo pouco tratou com os vereadores, deixando as negociações a cargo de sua secretária Joelma Reis, que manteve as conversações com os vereadores por toda a manhã de sexta-feira (26), no gabinete do prefeito, que não se encontrava na prefeitura.

Apesar dos veeadores estarem “internados” num aprazível local no litoral sul, Joelma mantém estritura vigilância sobre eles.

Author Description

Walmir Rosario

No comments yet.

Join the Conversation