ITABUNA COMBATE CORONAVÍRUS E NÃO DESCUIDA DA DENGUE

O momento é de atenção redobrada com o novo coronavírus, que já registrou dois casos em Itabuna, mas o trabalho para combater o mosquito Aedes aegypti não para na cidade. Os agentes de endemias, estão fazendo o bloqueio de casos, que é pulverização em locais que podem ser focos do mosquito, e tem histórico de notificação. “Não devemos dar espaço para Dengue, Zika Vírus e chikungunya” ressaltou Roberto Góes, coordenador de endemias.

Itabuna tem um Lira de 6,9%, o que mantém a cidade em alerta. De acordo com a Vigilância epidemiológica, foram montadas estratégias para combater o mosquito.

O setor informou inclusive, que recebeu equipamentos EPI para a visita aos imóveis, como óculos protetor, luvas de procedimento (seguindo orientações do ministério da saúde), e máscara n95. O município recebeu 20 quilos de larvicida. Com isso a partir de segunda-feira serão realizadas atividades educativas e o trabalho para evitar a proliferação do mosquito será ainda mais intenso.

De acordo com a direção de Vigilância à Saúde, os agentes vão continuar com o fumacê, e trabalho em pontos estratégicos como hospitais e locais com rotatividade de depósito.

Author Description

Walmir Rosário

No comments yet.

Join the Conversation