CRIADORES DE CAMARÃO REAFIRMAM INTENÇÃO DE CONTINUAR INVESTINDO EM CANAVIEIRAS

Fazendas de camarão não rebem atenção do Estado

As fazendas de camarão, apesar de produtivas, não recebem a devida atenção do Governo  do Estado

A Associação dos Criadores de Camarão de Canavieiras reuniu associados, autoridades e convidados para reafirmar seu compromisso com a atividade desenvolvida em Canavieiras. Entre as propostas apresentadas pelo presidente da associação, Vilmar Macari, estão a ampliação dos empreendimentos e realização do Festival Nacional do Camarão de Canavieiras.

Segundo informou o presidente Vilmar Macari, a Associação dos Criadores de Camarão de Canavieiras, o município possui todas as condições de abrigar novos empreendimentos e existe disposição dos atuais e novos empresários em investir. “Para que esse ânimo se transforme em realidade, basta apenas que sejam concedidas as licenças ambientais das atuais fazendas de camarão, que se encontram vencidas desde 2007”, ressaltou.

Prefeito Almir Melo se solidariza com produtores

Prefeito Almir Melo se solidariza com produtores

Presente ao encontro, o prefeito Almir Melo, agradeceu aos empresários a escolha de Canavieiras para abrigar esses investimentos. O prefeito lembrou que o Município tem sido um parceiro dos empreendimentos e que essa união é importante para superar os obstáculos criados por alguns órgãos ambientais. “Nossa bandeira é a da geração de emprego, da honradez e do progresso. Daremos todo o apoio ao Festival do Camarão de Canavieiras, que é o mais saboroso do Brasil”, salientou Almir Melo.

Ciclo produtivo – A Associação dos Criadores de Camarão de Canavieiras reúne hoje 14 empreendimentos e a atividade gera cerca de 400 empregos. De acordo com os dados da Associação seus filiados são responsáveis por um investimento de cerca de R$ 70 milhões, sendo que cerca de 99% desse valor são recursos próprios, o que demonstra a credibilidade neste tipo de atividade.

Segundo o presidente Vilmar Macari, os empreendedores das “fazendas de camarão” têm interesse em realizar todo o processo produtivo em Canavieiras, inclusive o beneficiamento, com frigorífico para carcinicultura e piscicultura. “Nós detemos tecnologia moderna, temos os recursos para investir e disposição para trabalhar dentro dos princípios de preservação ao meio ambiente, mas não encontramos essa mesma vontade por parte do órgãos do Estado”, avalia.

Vilmar Macari diz querer ampliar investimentos

Vilmar Macari diz querer ampliar investimentos

Desinteresse – Entretanto, os cerca de 480 hectares de espelho d’água implantados para a prática da carcinicultura (criação de crustáceos em cativeiro) não têm recebido por parte do Estado o reconhecimento da importância que representa para a economia. Explica Vilmar Macari, que os empreendimentos estão em atividade pela garantia de uma medida liminar, já que o órgão ambiental do Estado da Bahia não concede a licença ambiental.

Vilmar Macari diz não entender a indiferença dos órgãos estaduais em realizar o licenciamento ambiental, apesar do Governo do Estado da Bahia já ter sido condenado pelo Poder Judiciário para realizar o licenciamento. “Volto a dizer que não queremos simplesmente uma licença ambiental, e sim trabalharmos dentro do que estipula a legislação, sem causar qualquer tipo de impacto ao meio ambiente”, revela.

Apesar das garantias dadas pelo governador na reunião, nada foi solucionado

Apesar das garantias dadas pelo governador Jaques Wagner na reunião, nada foi solucionado

Informa o prefeito Almir Melo, que há cerca de dois meses participou, junto com os carcinicultores, de uma reunião com o governador Jaques Wagner, para tratar do licenciamento ambiental. “O governador nos atendeu com muita cortesia e demonstrou interesse em solucionar esse impasse, mas até hoje nenhuma medida foi tomada pelo Governo do Estado, através dos seus órgãos, no sentido de corrigir essa negligência da máquina estadual”, advertiu o prefeito.

Um diferencial da produção das “fazendas de camarão” de Canavieiras é que elas não concorrem com os pescadores artesanais, haja vista que quase tudo que é produzido tem como mercado os estados do Sul e Sudeste. “Nossa ideologia é o trabalho e como Canavieiras nos acolheu bem, aqui vivemos com nossas famílias e queremos continuar trabalhando aqui, dentro da legalidade”, diz Vilmar.

Calendário de eventos – Em relação à promoção do Festival Nacional do Camarão de Canavieiras, a Associação dos Criadores de Camarão irão estudar junto com a Secretaria Municipal do Turismo a criação de uma data fixa no calendário de eventos do Município, com a finalidade de implantar o festival. “Se Canavieiras já seduz pelas suas belezas e sua gastronomia, ficará ainda mais atraente por sediar os festivais do caranguejo e agora do Camarão”, concluiu Almir Melo.

Author Description

Walmir Rosario

No comments yet.

Join the Conversation