Comissão 100 anos de Jorge Amado se reúne em Salvador

Mauricio Corso e Monique Badaro em mais um encontro para comemorar o aniversário de Jorge Amado

O presidente da Fundação Cultural de Ilhéus, Maurício Corso, participa nesta terça-feira (31) do quinto encontro promovido pela Comissão Ano de Jorge Amado, no auditório do Conselho de Cultura da Bahia, em Salvador. A principal proposta da Comissão, formada por vários órgãos da capital e do interior do estado, é celebrar os 100 anos de nascimento de Jorge Amado com ações e projetos realizados por diferentes produtores ao longo de um ano de comemorações, contando a partir do dia 10 de agosto deste ano e seguindo até o dia 10 de agosto de 2012, data em que o escritor estaria comemorando 100 anos de vida.

A construção da imagem da Bahia por Jorge Amado, a influência de suas obras no imaginário nacional e internacional, a divulgação dessas obras de forma multidisciplinar e ações que estendam as comemorações do centenário do autor para os próximos anos também são o foco da Comissão, que tem entre seus integrantes, representantes das universidades estaduais, Universidade Federal da Bahia, secretarias da Educação e da Cultura do Estado, Instituto Brasileiro de Letras, Casa de Jorge Amado (Salvador), Irdeb, Fapesb, Fundação Pedro Calmon, Senac, entre outras.

De acordo com Maurício Corso neste encontro foram discutidas propostas em diversas áreas, visando definir a programação de eventos especial do centenário. “A idéia é que o pontapé inicial desse cronograma festivo seja iniciado em Ferradas – bairro de Itabuna – local onde o escritor nasceu, com a instalação de um placa comemorativa; passando por Ilhéus, que sediará boa parte das atividades; Salvador e chegando até grandes centros como São Paulo e Rio de Janeiro”. Um dos eventos previstos para agosto é o encontro estadual das Academias de Letras, reunindo acadêmicos de todo o estado.

Author Description

Walmir Rosario

No comments yet.

Join the Conversation