Ciclistas de Ilhéus pedalam até Bom Jesus da Lapa

A viagem à Lapa já se tornou uma tradição de passeio e religião

Mantendo uma tradição que se iniciou em 1989, um grupo de ciclistas de Ilhéus partirá neste domingo (29), em direção à cidade de Bom Jesus da Lapa. O objetivo, além de viajar pelo interior da Bahia, é participar da tradicional romaria que leva milhares de pessoas de todo o Brasil até a Lapa.

Os ciclistas iniciaram a viagem às 6 horas deste domingo, da catedral, situada no centro de Ilhéus, logo após uma oração ecumênica, já que há ciclistas de diversos credos religiosos. Ao fim do primeiro dia de viagem dormirão em Ipiaú, a 143 km de distância. No segundo dia o percurso será de mais 120 km, distância que separa as cidades de Ipiaú e Pé de Serra. Já no terceiro dia de viagem, em pleno sertão, a previsão é ir de Pé de Serra a Brumado, avançando mais 165 km. No quarto dia de viagem deverão ser percorridos mais 142 km, de Brumado até Igaporã. Finalmente, no quinto dia de viagem os ciclistas percorrerão os últimos 100 km que separam esta cidade do destino final, Bom Jesus da Lapa, onde o grupo deverá chegar na quinta-feira, dia 2 de agosto. Ao final terão sido percorridos 670 quilômetros entre estradas de chão e, principalmente, de asfalto.

O grupo contará, neste ano, com cerca de 23 ciclistas, sendo um de Itapetinga, um de Iguaí, três de Itajuípe e os demais de Ilhéus. Também seguirão viagem dois carros de apoio, sendo um dotado de reboque com carreta para bagagens e, em caso de urgência, transporte de alguma bicicleta que apresente problemas. Nos carros estarão mais cinco pessoas da equipe de apoio, já incluídos os dois motoristas.

O grupo, que é bastante heterogêneo, reúne desde empresários até pessoas bastante humildes, incluindo funcionários públicos, professores, vendedores, industriários, comerciários e aposentados. A idade também varia muito, pois há pessoas de pouco mais de vinte anos até alguns ciclistas com mais de sessenta, que também completam o percurso pedalando. Na verdade, é a paixão pelo ciclismo que reúne todo o grupo, que de alguns anos para cá cresce continuamente e pedala cada vez mais, sobretudo nos fins de semana.

O começo de tudo – Desde 1989, quando, liderados pelo ilheense Barriga Azul, já falecido, alguns “loucos” decidiram partir para a primeira viagem em bicicletas, em bikes sem marcha, sem carro de apoio e levando a própria bagagem no bagageiro, a viagem se repete. Ao longo dos anos o grupo cresceu continuamente em estrutura, organização e número de participantes, passando a incluir mulheres.

Atualmente o grupo congrega desde veteranos como Jorge Conceição, Agnaldo “Bombinha”, Val do Malhado e outros, até pessoas mais recentes como Oliveira, Marcelo, Júlio, Alemão, Miguel, Vlade, Bica, Carlão e outros. De Itapetinga virá Mazinho, de Iguaí participará Reinaldo e de Itajuípe virão Milton e mais dois ciclistas, visto que todos sairão de Ilhéus.

Embora a viagem tenha significados diferentes para cada um dos ciclistas, todos esperam chegar bem e levar o nome de suas cidades neste evento que mistura fé, esporte e aventura, trazendo saúde e felicidade para todos que participam.

Author Description

Walmir Rosario

No comments yet.

Join the Conversation