Choro e ranger de dentes na prefeitura

Como já tínhamos previsto, foi publicada na manhã desta quarta-feira (14) mais uma lista de demissões, que inclui servidores contratados para as mais diversas funções, desde garis até os famosos aspones ligados aos diversos secretários que não participam do petit comité integrado pelo soldado Pinheiro, Rolemberg Souza e Joelma Reis.

Como já foi dito (confira aqui), eles somente receberão os salários do mês de setembro, deixando os meses de outubro (integral) e novembro (parcial) para “ajudar a debelar a crise financeira” reinante na prefeitura de Itabuna. Joelma já disse em alto e bom som que “os contratados já passaram quatro anos comendo da prefeitura e agora também terão de dar a parcela de contribuição”.

Ao chegarem para o trabalho, os servidores demitidos foram impedidos de tomar seus lugares e mandados pra casa até que o pagamento de setembro seja depositado no banco.

Enquanto isso, algumas escolas da rede municipal estão sem aulas. A paralisação é motivada na falta de pagamento dos servidores da área administrativa. Como os professores não podem ocupar as funções desse pessoal, não dão aulas aos alunos, os eternos prejudicados com os desmandos.

Author Description

Walmir Rosario

No comments yet.

Join the Conversation